Livros Usados
Home ⇒ Detalhe do Livro
AS AMARGAS NÃO...
USADO
Clique sobre a imagem para ampliá-la
LIVRO USADO

AS AMARGAS NÃO...

LEMBRANÇAS

ALVARO MOREYRA


Editora: LUX - RIO DE JANEIRO

Ano: 1955

  • Conservação Bom
  • Encadernação:Brochura
  • Edição:2
  • Páginas:336
  • Medidas:17X24
  • Peso:973,00 g
  • ID:12109
Conservação:
Bom. LOMBADA DANIFICADA. CAPA: COM PEQUENO RASGO(CANTO INFERIOR) E CORTADA NA BORDA SUPERIOR, FICANDO 1/2 CM.MENOR QUE O MIOLO.MIOLO MUIOT BOM, RARS MMANCHAS DO TEMPO.
Etiqueta de Identificação na Contracapa.
Assuntos:
LITERATURA BRASILEIRA, SÉC. XX - MEMÓRIAS : ALVARO MOREIRA
Observações:
5 PP S/N + 331. TEXTO DAS ORELHAS DE GRACILIANO RAMOS. PARA CELSO PEDRO LUFT,"MESMO QUANDO ESCREVE EM PROSA, ALVARO MOREYRA É UM POETA, PELAS IMAGENS, RITMO E SONORIDADE DA EXPRESSÃO. ALIÁS, O POEMA EM PROSA É FREQUENTE EM SUA OBRA (...). PODE-SE MESMO DIZER QUE SEU VERDADEIRO GÊNERO É A PROSA POÉTICA, NELA SE EXPRIME MAIS A VONTADE, E NELA ESTÁ O MELHOR DE SUA OBRA".(IN DICIONÁRIO DE LITERATURA PORTUGUESA E BRASILEIRA,GLOBO,2ª EDIÇÃO,1969). " O POEMA EM PROSA OU CRÔNICA - DE ALVARO MOREYRA TROUXE UMA NOVA DIMENSÃO À LINGUAGEM LITERÁRIA, UMA VEZ QUE SEU TEXTO GUARDA EXPRESSÕES E TORNEIOS SINTÁTICOS POPULARES NO ENCONTRO DA LÍNGUA FALADA COM A ESCRITA." (DILETA SILVEIRA MARTINS, IN PEQUENO DICIONÁRIO DA LITERATURA DO RIO GRANDE DO SUL, REGINA ZILBERMAN,MARIA EUNICE MOREIRA E LUIZ ANTONIO DE ASSIS BRASIL, ORGANIZADORES, PORTO ALEGRE, NOVO SÉCULO,1999). ALVARO MOREYRA, NASCEU EM PORTO ALEGRE 1888 E FALECEU NO RIO DE JANEIRO 1964, ADVOGADO, JORNALISTA, POETA, CRONISTA E ENSAÍSTA, FOI TAMBÉM TEATRÓLOGO E ATOR. DIRIGIU A "ILUSTRAÇÃO BRASILEIRA" E O "PARA TODOS" A PARTIR DE 1922, ESTE ÚLTIMO REVELANDO OS PRIMEIROS POEMAS DE MANUEL BANDEIRA, MARIO DE ANDRADE, RAUL BOPP E OUTROS MODERNISTAS, E OS DESENHOS DE GOELBI, TARSILA E DI CAVALCANTI. FUNDOU O "TEATRO DE BRINQUEDO" EM 1927 E MAIS TARDE, A COMPANHIA DE ARTE DRAMÁTICA. POETA, SEUS PRIMEIROS VERSOS SÃO SIMBOLISTAS, INSERINDO-SE NO PENUMBRISMO; ADERIU DEPOIS AO MOVIMENTO DA SEMANA DE ARTE MODERNA DE 1922, TORNANDO-SE FIGURA DE DESTAQUE NO MODERNISMO CARIOCA. PERTENCEU A ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS (1959). (FONTES: PÉRICLES EUGENIO DA SILVA RAMOS IN: PEQUENO DICIONÁRIO DE LITERATURA BRASILEIRA, BIOGRÁFICO, CRÍTICO E BIBLIOGRÁFICO, ORG. E DIR. JOSÉ PAULO PAES E MASSAUD MOISÉS, CULTRIX,1969; RAIMUNDO DE MENEZES, DICIONÁRIO LITERÁRIO BRASILEIRO, LTC, 2ª ED. 1979; E PEDRO VILLAS-BOAS, NOTAS DE BIBLIOGRAFIA SUL-RIO-GRANDENSE: AUTORES, A NAÇÃO/IEL,1974).
Loja da Osvaldo Aranha
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta: das 9h30min às 19h
Sábado: das 10h às 18h
Não fechamos ao meio dia
Telefone Loja: (51) 3311-0044
Av. Osvaldo Aranha, 966 - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90035-191

ATENÇÃO!
Nossa loja mantém menos de 10% do acervo total da Traça.
Aceitamos para vendas online:
Central de Atendimento
(51) 3232-8404
CNPJ: 94.529.542/0001-08