Livros Usados
Home ⇒ Detalhe do Livro
NOTAS ESTATISTICAS SOBRE A PRODUÇÃO AGRICOLA E CARESTIA DOS GENEROS ALIMENTICIOS
USADO
Clique sobre a imagem para ampliá-la
LIVRO USADO

NOTAS ESTATISTICAS SOBRE A PRODUÇÃO AGRICOLA E CARESTIA DOS GENEROS ALIMENTICIOS

NO IMPERIO DO BRAZIL

SEBASTIÃO FERREIRA SOARES


Editora: TYP. IMP. E CONST. DE J. VILLENEUVE ....

Ano: 1860

  • Conservação Muito Bom
  • Encadernação:Encadernado
  • Edição:1
  • Páginas:374
  • Medidas:14X22
  • Peso:818,00 g
  • ID:12221
Conservação:
Muito Bom. ENCADERNAÇÃO NÃO ORIGINAL EM MEIO COURO, UM POUCO GASTA NAS BORDAS. MANCHAS DO TEMPO, MAIS CONCENTRADAS NAS PRIMEIRAS E ÚLTIMAS FOLHAS.
Etiqueta de Identificação na Contracapa.
Assuntos:
BRASIL IMPÉRIO, POLÍTICA, AGRICULTURA, ECONOMIA COLONIZAÇAO ESTRANGEIRA, DIVISÃO DO TRABALHO CONSID. S/A CARESTIA DOS GÊNEROS ALIMENTÍCIOS À ÉPOCA EXTINÇÃO DO TRÁFICO DE ESCRAVOS NOTAS S/OS PRINCIPAIS GÊNEROS DA LAVOURA E COM. DE EXPORTAÇÃO PROVÍNCIAS:RIO GRANDE DO SUL, RIO DE JANEIRO, BAHIA, PERNAMBUCO
Observações:
EDITORA: TYP. IMP. E CONST. DE J. VALLENEUVE E COMP. - RIO DE JANEIRO. *NOTAS SOBRE OS PRINCIPAIS GÊNEROS DA LAVOURA E COMÉRCIO DE EXPORTAÇÃO, E BREVES CONSIDERAÇÕES SOBRE A CARESTIA DOS GÊNEROS ALIMENCTÍCIOS À ÉPOCA - CAFÉ, AÇÚCAR, ALGODÃO, FUMO, BORRACHA, ERVA MATE, AGUARDENTE E CACAU. BREVE DESCRIÇÃO ESTATÍSTICA REFERENTE AO DESENVOLVIMENTO E PRODUÇÃO DAS PROVÍNCIAS DO RIO GRANDE DO SUL, RIO DE JANEIRO, BAHIA E PERNAMBUCO. MONOPÓLIO DA CARNE -SECA, FARINHA E BACALHAU. OS BANCOS, AS VIAS DE COMUNICAÇÃO, A COLONIZAÇÃO ESTRANGEIRA E A DIVISÃO DO TRABALHO. O AUTOR DEFENDE ESTATISTICAMENTE A TESE DE QUE A PRODUÇÃO DOS PRINCIPAIS GÊNEROS DE EXPORTAÇÃO E A CARESTIA DOS GÊNEROS ALIMENTARES NÃO PROCEDE DA FALTA DE BRAÇOS NEGROS E DA EXTINÇÃO DO TRÁFICO DE ESCRAVOS. *INCLUI ERRATA NO FINAL. *DIZ O AUTOR NO PREFÁCIO QUE PUBLICA ESTAS NOTAS: "... COM O FIM DE COMBATER A IDÉA INFUNDADAMENTE PROPALADA DE QUE - O PAIZ NÃO CONTINÚA A PROGREDIR EM SUA INDUSTRIA AGRICOLA - ASSEVERANDO-SE QUE A PROSPERIDADE DESAPPARECEU COM A CESSAÇÃO DO TRAFICO DA ESCRAVATURA AFRICANA, UNICO ELEMENTO QUE ALGUNS CONSIDERÃO CAPAZ DE FAZER O NOSSO ENGRANDECIMENTO INDUSTRIAL E COMMERCIAL." ( O TRÁFICO DE ESCRAVOS FOI PROIBIDO EM 1850, A LEI ÁUREA É DE 1888).
Loja da Osvaldo Aranha
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta: das 9h30min às 19h
Sábado: das 10h às 18h
Não fechamos ao meio dia
Telefone Loja: (51) 3311-0044
Av. Osvaldo Aranha, 966 - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90035-191

ATENÇÃO!
Nossa loja mantém menos de 10% do acervo total da Traça.
Aceitamos para vendas online:
Central de Atendimento
(51) 3232-8404
CNPJ: 94.529.542/0001-08