Livros Usados
Home ⇒ Detalhe do Livro
ANTÔNIO CHIMANGO
USADO
Clique sobre a imagem para ampliá-la
LIVRO USADO

ANTÔNIO CHIMANGO

POEMETO CAMPESTRE

AMARO JUVENAL (RAMIRO FORTES DE BARCELLOS)


Coleção: PROVÍNCIA-VOL. 5

Editora: GLOBO-POA

Ano: 1957

  • Conservação Bom
  • Encadernação:Brochura
  • Edição:2
  • Páginas:170
  • Medidas:15,50 X 22,50
  • Formato: Grande
  • Peso:398,00 g
  • ID:6717
Conservação:
Bom. CONTRACAPA C/ PEQ RASGO NA MARGEM. PP58 E 59ESCURECIDAS POR INSERÇÃO DE PAPEL JORNAL. MIOLO:MUITO BOM.
Etiqueta de Identificação na Contracapa.
Assuntos:
HISTÓRIA, POLÍTICA, POESIA BRASILEIRA, SÉC. XX-RS SÁTIRA POLÍTICA EM VERSOS GAUCHESCOS, DIRIGIDA BORGES MED.
Observações:
ESTA EDIÇÃO É A SEGUNDA NESTA COLEÇÃO-A ORIGINAL É DE 1915, COM NUMEROSAS REEDIÇÕES. 145 PP + XXII + 3 S/N. INCLUI NOTAS DE AUGUSTO MEYER E OSCAR BASTIAN PINTO, E POSFÁCIO DE ALFREDO SIMCH (DISCURSO PRONUNCIADO NO SENADO FEDERAL A 20 DE SETEMBRO DE 1951, A PROPÓSITO DO CENTENÁRIO DE NASCIMENTO DE RAMIRO BARCELLOS). A PRESENTE EDIÇÃO NÃO TRAZ A ÍNTEGRA DA DEDICATÓRIA DO POEMA . DIZ APENAS : "AO RIO GRANDE, OFERTA VELHO GAÚCHO" "ANTONIO CHIMANGO " POEMA SATÍRICO ENGAJADO CONTRA A TIRANIA POLÍTICA DO PARTIDO REPUBLICANO RIO-GRANDENSE E SEU LÍDER, ANTONIO AUGUSTO BORGES DE MEDEIROS, PRESIDENTE DO ESTADO POR 5 PERÍODOS, COMPÕE-SE DE 5 "RONDAS" EM LINGUAJAR GAUCHESCO, COMO AS 5 ETAPAS DO TROPEIO DE GADO, E A AÇÃO DECORRE NA ESTÂNCIA DE SÃO PEDRO, O PRÓPRIO ESTADO (ANTIGAMENTE PROVÍNCIA DE SÃO PEDRO), APARECENDO, DISFARÇADOS EM PERSONAGENS AS PRINCIPAIS FIGURAS POLÍTICAS DA ÉPOCA: JÚLIO DE CASTILHOS, PINHEIRO MACHADO E AURÉLIO BITTENCOURT, ALÉM, É CLARO, DO PRÓPRIO BORGES DE MEDEIROS, O CHIMANGO DO TÍTULO. O POEMA NASCEU DE UMA DISSIDÊNCIA POLÍTICA E O AUTOR APROVEITOU DUAS PALAVRAS DE UM IRADO TELEGRAMA DE BORGES DE MEDEIROS A SEU RESPEITO PARA COMPOR A "OFERTA" DO POEMETO, PUBLICADO SOB PSEUDÔNIMO. FEZ ENORME SUCESSO E, PROIBIDO E APREENDIDO PELA POLÍCIA, TEVE INÚMERAS EDIÇÕES CLANDESTINAS.PASSADO DE MÃO EM MÃO, MEMORIZADO, COMENTADO DURANTE ANOS, O POEMA HOJE FAZ PARTE DO IMAGINÁRIO DO RIO GRANDE DO SUL. FOI ESCRITO EM POUCOS DIAS, AO CALOR DOS ACONTECIMENTOS DE 1915, NAS COSTAS DE PAPÉIS IMPRESSOS PARA AS ELEIÇÕES,E CONTA AUGUSTO MEYER QUE, SEGUNDO UMA TESTEMUNHA, O AUTOR "RIA E ESCREVIA. ERA O RISO DA SÁTIRA QUE DESOPILA O FÍGADO E AREJA AS INDIGNAÇÕES ACUMULADAS". AMARO JUVENAL, PSEUDÔNIMO DE RAMIRO FORTES DE BARCELLOS, NASCEU EM CACHOEIRA DO SUL/RS 1851 E FALECEU EM PORTO ALEGRE 1916 ( OU 1919, CONFORME A FONTE), MÉDICO E PROFESSOR DA FACULDADE DE MEDICINA DE PORTO ALEGRE, FOI TAMBÉM POETA, JORNALISTA E HISTORIADOR. POLÍTICO, FOI SECRETÁRIO DA FAZENDA DO ESTADO, DEPUTADO FEDERAL, SENADOR E EMBAIXADOR DO BRASIL NO URUGUAI. FOI REDATOR DO JORNAL " A FEDERAÇÃO", ÓRGÃO DO PARTIDO REPUBLICANO RIO-GRANDENSE, DE QUE ERA MEMBRO ATIVO E COM O QUAL ROMPEU EM RUMOROSA DESSIDÊNCIA QUE ORIGINOU O SEU FAMOSO POEMA "ANTONIO CHIMANGO" EM 1915. PECUARISTA E ESTANCIEIRO, CONHECIA BEM AS LIDES DO CAMPO E DEU A SUA SÁTIRA POLÍTICA O DISFARDE DE "POEMETO CAMPESTE", HISTÓRIA DE UM PEÃO OPORTUNISTA E LADINO CONTADA AO PÉ DO FOGO APÓS AS TROPEIRADAS. AUTOR DE CRÔNICAS COMBATIDAS NA IMPRESA, SUA BIBLIOGRAFIA REUNE ALGUMAS OBRAS DE MEDICINA, POLÍTICA E HISTÓRIA. FONTE: ARI MARTINS , ESCRITORES DO RIO GRANDE DO SUL, UFRGS/IEL, 1978, PEDRO LEITE VILLAS-BOAS, DICIONÁRIO BIBLIOGRÁFICO GAÚCHO, EST/EDIGAL, 1991, E LUÍS AUGUSTO FISCHER IN PEQUENO DICIONÁRIO DA LITERATURA DO RIO GRANDE DO SUL, ORGANIZADO POR REGINA ZILBERMANN E OUTROS, NOVO SÉCULO, 1999)
Loja da Osvaldo Aranha
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta: das 9h30min às 19h
Sábado: das 10h às 18h
Não fechamos ao meio dia
Telefone Loja: (51) 3311-0044
Av. Osvaldo Aranha, 966 - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90035-191

ATENÇÃO!
Nossa loja mantém menos de 10% do acervo total da Traça.
Aceitamos para vendas online:
Central de Atendimento
(51) 3232-8404
CNPJ: 94.529.542/0001-08